Estaremos de agora em diante, mostrando um pouco da Cultura do Povo Lagopratense em: Versos, Prosas,
Canções, Poesias, Crônicas, Teatro, Dança e Muito Mais.

Cultura em Lagoa

Cerimonial à São Carlos do Pântano - 72 Anos de Emancipação Político Administrativa

Moraesvirada Poeta José Eustáquio de Morais

Primeiro Conjunto Eletrônico de Lagoa da Prata

Lindíssima Lagoa da Prata 77 Anos

Lindíssima Lagoa da Prata 77 Anos

Fisioterapia Municipal

Secretaria de Assistência Social de Lagoa da Prata

Bela da Prata Poesia de Otaviano Luinha Lajes Facil

Lagoa da Prata 
Cidade bendita 
Seu povo trabalha 
E em ti acredita 
Suas ruas são largas 
E avenidas também 
Que encanta as pessoas 
Que por aqui vem 
Temos por ti 
Um amor bem profundo 
Suas balas adoçam 
As crianças do mundo 
Nosso açúcar abastece 
Todo o continente 
Fazendo as pessoas 
Sempre mais contentes 
E nosso etanol 
Sempre em evolução 
Diminuindo no ar 
A Grande poluição 
Sou louco por ti Lagoa 
Eu vou falando uai 
Quem bebe de sua água 
Daqui mais não sai 
Lagoa da Prata 
Meu torrão brasileiro 
Nascestes brilhando 
Neste rico solo mineiro 
Até seus viajantes 
Atravessam barreiras 
Levando nossos produtos 
Para além das fronteiras 
O carnaval de lagoa 
Sempre atrai turistas 
De Minas o mais alegre 
E que a todos conquista 
Sua festa de congado 
Se ecoa pelos ares 
E a nossa homenagem 
Para Zumbi dos Palmares 
Lagoa tem a indústria 
Que faz pesquisas a fundo 
Produzindo seus remédios 
Que é para curar o mundo 
Exportamos ferro gusa I
sso em grande proporção 
Sempre trazendo divisas 
Para o progresso da nação 
 Otaviano Silva - Luinha 
Publicado no Recanto das Letras em 05/06/2008




Nenhum comentário: